190_a_noticias_port

Boas e tristes notícias!

Entrevista coletiva do Ministro da Saúde pelo Dia Mundial da Hepatite

27/07/2017

Na entrevista coletiva do ministro da saúde, Dr. Ricardo barros, que acaba de terminar nesta quinta-feira, fomos da imensa alegria a uma imensa tristeza.

IMENSA ALEGRIA, porque foi anunciado que os infectados com hepatite C e grau de fibrose F2 passam a ser contemplados com o tratamento e, que a partir da metade do próximo ano todos os infectados, com qualquer grau de fibrose (F0, F1, F2, F3 e F4) passarão a ser contemplados com o tratamento da hepatite C gratuitamente no sistema público de saúde, o SUS.

IMENSA TRISTEZA
, porque o esperado novo Protocolo - PCDT - para tratamento da hepatite C e coinfecções, já aprovado há meses na CONITEC, não foi apresentado na entrevista. O prazo para entrar em vigor já está mais que esgotado, porque sem a publicação do PCDT não pode começar a ser utilizado o medicamento VIEKIRA PAK® e, ainda, o tratamento dos infectados com o genótipo 3 com cirrose não poderão aceder a 24 semanas de tratamento com sofosbuvir e daclatasvir.

Fica a pergunta, quando será finalmente publicado o tão esperado PCDT?

O pelo menos emitam uma Nota Técnica provisória incluindo os com fibrose F2 e o tratamento de 24 semanas para genótipo 3 com cirrose pelo PCDT atual.

- Compra de 25.000 tratamentos

O ministro também anunciou a compra de 25.000 tratamentos com a incorporação do medicamento VIEKIRA PAK ® para tratamento do genótipo 1 da hepatite C, sendo está mais uma opção que se soma ao sofosbuvir, daclatasvir e simeprevir. Com esses 25.000 tratamentos e considerando os que em 2017 já foram atendidos a promessa de 35.000 tratamentos por ano será cumprida, tal qual aconteceu em 2016.

Informou ainda que está sendo negociado com os fabricantes de medicamentos uma forma de pagar somente por paciente curado, o que resultará em economia para o ministério.

Tenho informações confidenciais que na nova compra o custo do tratamento de 12 semanas passou a ser inferior aos quatro mil dólares, com excelente economia para os cofres do ministério da saúde.

- Novo Boletim Epidemiológico

Foi lançado o Novo Boletim Epidemiológico das Hepatites Virais, no qual são encontrados dados atualizados.

- Campanha de prevenção das hepatites Virais

Em comemoração do Dia Mundial da Hepatite o ministério da saúde apresentou a nova campanha de prevenção das hepatites virais.

MEUS COMENTÁRIOS:

Quantos serão beneficiados com o tratamento para todos

Fico feliz de ver que praticamente todos os que se encontravam com fibrose F3 e F4 (cirroses) já receberam tratamento com os novos medicamentos e que aproximadamente 95% deles estão definitivamente curados da hepatite C.

Assim, anunciando a ampliação do tratamento, nos próximos nove meses praticamente todos os com fibrose F2 também estarão curados. Quando coloco "todos" isso é referente a aqueles que estão diagnosticados e aos novos diagnosticados, pois não podemos pretender tratar quem ainda não foi diagnosticado.

Encontrar os infectados é o grande desafio, tão grande é que a Organização Mundial da Saúde tem como meta que até 2030, isto é, daqui a 13 anos, pelo menos 90% dos infectados de cada país estejam diagnosticados. Por mais que existam campanhas permanentes encontrar esses 90% será muito difícil. O problema agora é encontrar quem têm hepatite C para que seja tratado. Medicamentos não faltam no Brasil.

Qual passa a ser o novo desafio?

Lutando unidos conseguimos que os com fibrose F2 recebam o tratamento gratuito, assim todos os F2, F3 e F4 (cirroses) que conheçam sua infecção agora podem curar. É este o momento de continuarmos atentos e na luta para que a promessa de tratar já em 2018, daqui a 1 ano, todos os infectados, com qualquer grau de fibrose, sejam eles F0 ou F1, seja cumprida. O nome que podemos sugerir para essa nova meta é TESTAR E TRATAR.

Vamos então arregaçar as mangas e lutar para conseguir essa nova meta? Está comprovado que todos juntos, inclusive participando os que já estão curados, poderemos então vencer a hepatite C, eliminado a epidemia no Brasil.

Juntos podemos vencer a hepatite C!


Obs.: Em novo envio estarei informando os links para as peças da campanha publicitaria e da publicação do Boletim Epidemiológico, ainda não disponibilizados na página do Departamento.

Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com


IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.
Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.
Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação medica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte: WWW.HEPATO.COM
O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO