018_cirrose_port

Diferenças entre hepatite e cirrose

14/09/2015

Hepatite

A hepatite pode ser definida como a inflamação do fígado. Também se refere a um grupo de condições que são geralmente causadas por diversos vírus, pode ser geneticamente herdada (hepatite congênita), causada pelo abuso de bebidas alcoólicas, por produtos químicos, por bactérias e, da forma autoimune.

Quando causada por vírus o próprio sistema imunológico pode provocar a cura espontânea na fase aguda, nos primeiros seis meses após o contagio, mas se passados seis meses e a infecção continua então passa a ser chamada de hepatite crônica e somente com tratamentos pode ser curada ou controlada, dependendo do caso.

As formas mais conhecidas de hepatites são aquelas que após a palavra hepatite levam uma letra, assim temos as hepatites A, B, C, D e E.

Cirrose

A cirrose pode ser definida como a formação de cicatrizes no fígado causadas por uma lesão, na maioria dos casos consequência do abuso de bebidas alcoólicas ou resultados de hepatites crônicas.

O fígado é um órgão que tem a capacidade de regenerar a lesão quando eliminado aquilo que está causando o dano. No entanto, com a ocorrência de lesões repetidas, o fígado se torna incapaz de funcionar de forma eficaz e adequada, momento em que a cicatriz começa a se desenvolver. Este cenário é conhecido como cirrose do fígado.

Quando a cirrose se agrava, a função do fígado é prejudicada. O órgão fica duro e menor. Neste momento fluidos do organismo se acumulam nas pernas e no abdômen (a chamada popularmente barriga de água). Os sais biliares podem se acumular na pele o que vai levar a icterícia e prurido. Sangramento das veias do esôfago também podem acontecer. Nas fases mais graves toxinas também podem se acumular no sangue o que vai resultar em confusão e desaceleração mental, condição conhecida como encefalopatia.

Para aqueles indivíduos com cirrose avançada, já descompensada, o melhor tratamento é o transplante de fígado. Não existe uma cura medicinal para cirrose, somente estão disponíveis medicamentos para evitar uma progressão acelerada e para tratar dos sintomas e eventos provocados pela descompensação.

Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com


IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.
Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.
Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação medica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte: WWW.HEPATO.COM
O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO