011_fibrose_port

Uma maior fadiga pode prognosticar maior fibrose

13/10/2008

A fadiga está diretamente ligada a qualidade de vida de um individuo sendo geralmente associada a baixa produtividade no trabalho e nas atividades rotineira de seu dia a dia, resultando em um grave problema social e econômico. Indivíduos infectados com a hepatite C apresentam em muitos casos uma fadiga maior que a encontrada na população em geral.

Um estudo publicado no The National AIDS Treatment Advocacy Project - NATAP realizado com 215 pacientes infectados com a hepatite C e idade média de 47 anos que nunca receberam tratamento sugere uma associação significativa entre a fadiga com o grau de fibrose, indicando que a fadiga deve ser considerada para o diagnostico e, também, para a estratégia terapêutica de cada paciente.

Confirmando o estudo realizado pelo Dr. Poynard no qual se suspeitava que do ponto de vista clínico a fadiga poderia ser mais freqüente e pronunciada em pacientes com fibrose elevada ou cirrose, os pesquisadores encontraram uma relação entre o nível de fadiga experimentada pelo paciente com o grau de fibrose existente no fígado.

O fator associado com a fadiga não relacionado ao nível de fibrose que foi observado como de maior influencia no nível da fadiga foi o sexo. Mulheres apresentavam maior fadiga que os homens. Já a idade não apresenta relação direta com o nível de fadiga encontrado.

Os pesquisadores recomendam que os fatores clínicos relacionados com a qualidade de vida e não somente o grau de atividade inflamatória e de fibrose, deveriam ser levados em consideração para a decisão de indicar o tratamento da hepatite C, já que está demonstrado que a cura da doença está associada com uma melhoria significativa da qualidade de vida.

Este artigo foi redigido com comentários e interpretação pessoal de seu autor, tomando como base a seguinte fonte:
Deterioration of health-related quality of life and fatigue in patients with chronic hepatitis C: Association with demographic factors, inflammatory activity, and degree of fibrosis - Gerlinde Teuber, Arne Schafer, Jasmin Rimpel, Kathrin Paul, Christian Keicher, Michael Scheurlen, Stefan Zeuzem, Michael R. Kraus - Published online 22 September 2008 in The National AIDS Treatment Advocacy Project - NATAP


Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com


IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.
Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.
Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação medica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte: WWW.HEPATO.COM
O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO