008_genotipo_port

Tratamento dos genótipos 2 e 3 - Hepatologia do Milênio

04/08/2014

Resultados das pesquisas em andamento apresentados durante o Congresso Hepatologia do Milênio - 2014


- Estudo Fission - Sofosbuvir e ribavirina totalmente oral, sem interferon, em 12 semanas de tratamento. Cura de 97% no genótipo 2 e de 56% no genótipo 3. O grupo controle que foi tratado com interferon peguilado e ribavirina durante 24 semanas obteve a cura em 78% no genótipo 2 e em 63% no genótipo 3.

- Estudo Fusion - Sofosbuvir e ribavirina totalmente oral, sem interferon, em 12 semanas de tratamento. Cura de 86% no genótipo 2 e de 30% no genótipo 3. O grupo que recebeu o mesmo tratamento, durante 16 semanas, obteve a cura de 94% no genótipo 2 e de 62% no genótipo 3.

- Estudo Positron - Pacientes intolerantes ao interferon - Sofosbuvir e ribavirina totalmente oral, sem interferon, em 12 semanas de tratamento. Cura de 93% no genótipo 2 e de 61% no genótipo 3.

- Estudo Valence - Sofosbuvir e ribavirina, tratamento de 24 semanas em infectados com o genótipo 3. Totalmente oral, sem interferon - Em pacientes nunca antes tratados, cura de 93% em pacientes sem cirrose e de 92% nos pacientes com cirrose. No tratamento de não respondedores a um tratamento anterior realizado com interferon peguilado a cura foi de 87% em pacientes sem cirrose e de 62% nos pacientes com cirrose.

Perspectivas futuras no tratamento dos genótipos 2 e 3 (Estudos preliminares, com poucos pacientes em cada grupo, assim, os resultados devem ser interpretados com cautela).

- Tratamento com daclastavir com sofosbuvir durante 24 semanas de pacientes nunca antes tratados e sem cirrose. Cura de 92% no genótipo 2 e de 89% no genótipo 3.

- Tratamento com sofosbuvir e GS5816 durante 12 semanas - Totalmente oral, sem interferon - Cura de 100% no genótipo 2 e de 93% no genótipo 3.

O futuro?

O futuro do tratamento dos genótipos 2 e 3 se vislumbra com tratamento orais de curta duração, que poderão ser de somente 6, 8 ou 12 semanas no máximo e taxas de cura entre 90 e 100%.

Este artigo foi redigido com comentários e interpretação pessoal de seu autor, tomando como base a seguinte fonte:
Resultados das pesquisas em andamento apresentados durante o Congresso Hepatologia do Milênio - 2014 - Salvador - BA - Brasil


Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com


IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.
Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.
Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação medica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte: WWW.HEPATO.COM
O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO