023_geral_port

Situação dos tratamentos da hepatite C na América Latina

09/03/2015

Existem muitas desigualdades no acesso aos medicamentos na América Latina. A seguir um breve levantamento da situação, esclarecendo que pode conter alguns erros ou omissões no momento de levantar os dados.

Países de América Latina que utilizam boceprevir e telaprevir:

Argentina
Brasil
Colômbia
Peru
Venezuela

Países de América Latina que somente utilizam o telaprevir:

Costa Rica
México
Santo Domingo

Cuba ainda trata com interferon peguilado e ribavirina. Paraguai não oferece tratamento algum.

Países de América Latina que estão estudando a introdução dos medicamentos orais:

Argentina
Brasil
Chile
Cuba
México

Países de América Latina que possuem um programa para as hepatites:

Argentina
Brasil
Chile
Colômbia
Costa Rica
Cuba
México

Países de América Latina que não possuem um programa para as hepatites:

Paraguai
Peru
Santo Domingo
Uruguai
Venezuela

Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com


IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.
Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.
Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação medica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte: WWW.HEPATO.COM
O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO