008_outras_port

Falando da hepatite A

30/01/2016

Hepatite A é uma doença viral que provoca a inflamação do fígado. Isso faz com que o fígado não consiga eliminar as toxinas adequadamente se acumulando no sangue.

A hepatite A é uma doença muito contagiosa que pode se adquirir se alguém entra em contato com as fezes de um infectado com o vírus, o que pode acontecer através do contato de pessoa a pessoa ou por beber água ou comer alimentos contaminados.

Qualquer pessoa pode ser infectada pela hepatite A, e as possiblidades de contagio são maiores em regiões da Ásia, América do Sul ou da América Central, ao utilizar drogas intravenosas, convivendo com uma pessoa infectada, beber água imprópria para consumo, ter relações sexuais com uma pessoa infectada e quem trabalha no sector da saúde ou na indústria alimentícia ou de gest

ão de águas residuais. A hepatite A tem um período de incubação entre 14 e 28 dias, embora em alguns casos seja assintomática, os sintomas de uma pessoa infectada pode apresentar um dos seguintes sintomas:

Febre.
Dores de estômago.
Dores musculares.
Cansaço.
Diarreia.
Perda de apetite.
Náuseas e vômitos.
Fezes de cor clara ou marrom.
Urina escura.
Pele e os olhos com icterícia mostrando uma tonalidade amarelada.

Estes sintomas podem ocorrer de forma leve a moderada, e a doença geralmente se manifesta com maiores sintomas em adultos. No caso de crianças, os sintomas são mais leves e apenas 10% das crianças apresentaram icterícia.

Com algum dos sintomas deve se consultar um médico para fazer um diagnóstico correto. O especialista indicará a realização de um exame de sangue para verificar o IgM e IgG e se as enzimas hepáticas estão elevadas.

Não existem medicamentos específicos para o tratamento da hepatite A, o corpo irá tentar remover o vírus. É essencial seguir as instruções médicas, sendo descanso e repouso no leito, especialmente quando os sintomas aparecem de forma intensa ou grave. Comer uma dieta equilibrada que seja baixa em gordura e alta porcentagem de alimentos diuréticos é importante para a eliminação das toxinas. Lave as frutas e legumes antes de comer, não comer peixe ou carne crua e beber água engarrafada se você estiver em um país em desenvolvimento.

Evite comer alimentos gordurosos, frituras, frutos do mar, carnes, alimentos congelados, refrigerantes e bebidas alcoólicas. Todos estes podem ocasionar vômitos e não são recomendados para a recuperação do fígado.

É importante manter-se bem hidratado bebendo muita água durante o dia. Procure um médico com urgência se tiver sinais de desidratação.

Normalmente, os pacientes com hepatite A se recuperam após três meses, mas a cura total da doença pode demorar até seis meses. Se os sintomas persistirem após esse período, será essencial procurar um médico com urgência.

A melhor proteção é a vacinação contra a hepatite A, sendo especialmente recomendada para pessoas que vivem com alguém infectado com hepatite A, para aqueles quem vive ou viaja para países com altas taxas de hepatite A, para os homens homossexuais, para usuários de drogas, para portadores de distúrbios hemorrágicos crônicos e para os infectados com as hepatites B, C e D.

Também é muito importante lavar bem as mãos antes e depois de manusear alimentos, usar o banheiro ou trocar fraldas.

Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com


IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.
Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.
Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação medica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte: WWW.HEPATO.COM
O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO