012_protoc_port

A importância do Eletrocardiograma no tratamento com sofosbuvir

09/11/2015

Artigo no "New England Journal of Medicine" alerta sobre uma carta de médicos franceses que relata a possibilidade durante o tratamento da hepatite C com sofosbuvir (Sovaldi®) de desencadear batimento cardíaco anormalmente lento, colocando os pacientes em risco, recomendado que o medicamento deve ser utilizado com cautela.

Dos 415 pacientes tratados em 2014 no serviço de hepatologia e cardiologia do Hospital Cochin, em Paris, recebendo tratamento com sofosbuvir combinado com daclatasvir ou simeprevir, com ou sem ribavirina, três deles apresentaram nos primeiros 10 dias do tratamento batimento cardíaco anormalmente lento.

Em janeiro de 2015 a Agência Nacional Francesa para Medicamentos e Produtos de Saúde publicou um aviso "on line" alertando sobre o problema e em março de 2015 a Food and Drug Administration dos Estados Unidos alertou que grave desaceleração da frequência cardíaca pode ocorrer quando o tratamento da hepatite C, incluindo sofosbuvir associado a outra droga antiviral, é tomado em conjunto com amiodarona.

A toxicidade cardíaca no tratamento com sofosbuvir sugere a necessidade de uma avaliação de outros medicamentos utilizados pelo paciente, para considerar os fatores de risco para alterações da frequência no ritmo cardíaco, sendo importante monitorar o ritmo cardíaco durante o início do tratamento.

MEU COMENTÁRIO


Fica demonstrada a importância da exigência do eletrocardiograma para recebimento dos medicamentos constante nos diversos consensos e protocolos de tratamento.

Este artigo foi redigido com comentários e interpretação pessoal de seu autor, tomando como base a seguinte fonte:
Bradyarrhythmias Associated with Sofosbuvir Treatment - Hélène Fontaine, Arnaud Lazarus, Caroline Pecriaux, François Bagate, Philippe Sultanik, Estelle Boueyre, Marion Corouge, Vincent Mallet, Anaïs Vallet-Pichard, Philippe Sogni, Denis Duboc, Stanislas Pol.- N Engl J Med 2015; 373:1886-1888 November 5, 2015 DOI: 10.1056/NEJMc1505967 - http://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMc1505967


Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com


IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.
Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.
Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação medica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte: WWW.HEPATO.COM
O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO