019_rvs_port

Indicações e limitações para o tratamento da hepatite C em pacientes idosos

20/12/2010

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Osaka, no Japão, investigou a eficácia e os efeitos adversos do tratamento com interferon peguilado e ribavirina em pacientes idosos infectados com a hepatite C.

Foram incluídos 1.040 pacientes com hepatite C que nunca tinham recebido qualquer tratamento antiviral, dos quais 759 estavam infectados com o genótipo 1 e 281 com o genótipo 2. No grupo de pacientes 240 apresentavam idade acima dos 65 anos. Todos foram tratados com interferon peguilado alfa 2-b (PegIntron) e ribavirina.

A maior taxa de interrupção do tratamento foi verificada nos pacientes acima dos 70 anos de idade, sendo que em 36% dos casos a anemia foi a causa da interrupção.

Nos infectados com o genótipo 1 com menos de 65 anos a possibilidade de cura ficou entre 42% e 46% e, entre os com mais de 65 anos, a possibilidade de cura foi inferior, entre 26 e 29%.

Entre os infectados com o genótipo 2 com menos de 70 anos, a possibilidade de cura ficou em 71%, já entre os pacientes com mais de 70 anos, a possibilidade de cura foi de somente 43%.

Concluem os autores que os infectados com o genótipo 1 da hepatite C com menos de 65 anos e os infectados com o genótipo 2 com menos de 70 anos, podem ser candidatos a receber o tratamento da hepatite C por apresentarem boas possibilidades de cura.

MEU COMENTÁRIO:

Mais um estudo que mostra claramente que o fator idade influi na possibilidade de cura da hepatite C. Outros estudos já mostravam que um paciente de 30 anos apresenta praticamente o dobro de possibilidade de cura que um paciente de 60 anos.

Agora este estudo mostra que no genótipo 1 a idade dos 65 anos e, a idade de 70 anos no genótipo 2 é crucial para o paciente infectado em relação à possibilidade de cura com o tratamento. Fica então a pergunta que não quer calar: Porque esperar para oferecer o tratamento?

Este artigo foi redigido com comentários e interpretação pessoal de seu autor, tomando como base a seguinte fonte:
Indications and limitations for aged patients with chronic hepatitis C in pegylated interferon alfa-2b plus ribavirin combination therapy.Oze T, Hiramatsu N, Yakushijin T, Mochizuki K, Oshita M, Hagiwara H, Mita E, Ito T, Fukui H, Inui Y, Hijioka T, Inada M, Kaytayama K, Tamura S, Yoshihara H, Inoue A, Imai Y, Kato M, Miyagi T, Yoshida Y, Tatsumi T, Kiso S, Kanto T, Kasahara A, Takehara T, Hayashi N. - Department of Gastroenterology and Hepatology, Osaka University Graduate School of Medicine, Japan - Available online - Journal of Hepatology - 2010.07.043


Carlos Varaldo
www.hepato.com
hepato@hepato.com


IMPORTANTE: Os artigos se encontram em ordem cronológica. O avanço do conhecimento nas pesquisas pode tornar obsoleta qualquer colocação em poucos meses. Encontrando colocações diversas que possam ser consideradas controversas sempre considerar a informação mais atual, com data de publicação mais recente.
Carlos Varaldo e o Grupo Otimismo declaram não possuir conflitos de interesse com eventuais patrocinadores das diversas atividades.
Aviso legal: As informações deste texto são meramente informativas e não podem ser consideradas nem utilizadas como indicação medica.
É permitida a utilização das informações contidas nesta mensagem desde que citada a fonte: WWW.HEPATO.COM
O Grupo Otimismo é afiliado da AIGA - ALIANÇA INDEPENDENTE DOS GRUPOS DE APOIO